Santa Cruz: Leiziny Varela vence primeira edição do concurso de contos sobre o município e suas gentes

Pedra Badejo, 17 Mar (Inforpress) – A aluna do 11.º ano na Escola Secundária Alfredo da Cruz Silva Leiziny Varela venceu hoje a primeira edição do concurso literário “Santa Cruz, suas histórias e suas gentes”, com o conto “O testamento de Fernão Fiel de Lugo”.

Em declarações aos jornalistas, minutos depois do anúncio dos vencedores, a primeira classificada mostrou-se realizada e assegurou que isso significa “muito para ela”.

“É uma alegria para mim e para Santa Cruz inteira, principalmente a nossa escola”, declarou, acrescentando que esta iniciativa inspira os alunos a terem mais hábitos de escrita e leitura.

A mesma justifica que escolheu o título “O testamento de Fernão Fiel de Lugo” porque no seu município existe uma empresa chamada Justino Lopes, cujo fundador foi Fernão Fiel de Lugo.

Instada se os alunos da sua escola têm hábitos de leitura, Leiziny Varela respondeu que sim, mas reconheceu que falta mais apoios.

O conto “As ilhas abençoadas das costas da mãe África”, do aluno Rúben Filipe, conquistou a segunda posição e na terceira ficou o trabalho “A fúria dos que tinham fome”, de estudante Larissa Cilene.

Conforme explicou o vereador da Juventude, Cultura, Turismo e Formação Profissional, Jaquelino Varela, esta iniciativa, que se enquadra num leque de actividades promovidas pela edilidade, no sentido de promover hábitos de leitura, visa, também, fazer os jovens pesquisarem e conhecer mais histórias de Santa Cruz e suas figuras.

“Temos feito conversas abertas, lançamentos e feiras de livros, concursos de poesia e este ano resolvemos lançar o de contos”, demonstrou, salientando que se trata de uma “sementeira” para que mais tarde esses alunos possam ser grandes escritores.

Ao seu ver, o concurso teve uma “excelente participação”, uma vez que num total de 53 inscrições, 13 alunos apresentaram seus contos, ultrapassando o desafio inicial que era ter pelo menos 10 participações.

“Melhor ainda foi o conteúdo dos contos”, garantiu, anunciando que futuramente se pretende lançar um livro com esses contos.
Para isso, defendeu que é necessário a criação de um clube de leitura para fazer esses alunos reverem os seus trabalhos em conjunto com um tutor.

O vereador afiançou que vão lançar, ainda este ano, o concurso de desenho para os alunos trabalharem a capa do referido livro.

WM/JMV

Inforpress/Fim

Scroll to Top