Paralímpicos: Delegação cabo-verdiana já partiu para Tunis World Grand Prix Series 2022

Cidade da Praia, 23 Jun (Inforpress) – A delegação cabo-verdiana paralímpica deixou hoje a Cidade da Praia, com escala técnica em Dakar, rumo à Tunísia, onde vai participar no Grand Prix Series’2022, que decorre de 23 a 30 deste mês.

A delegação cabo-verdiana é integrada pelos atletas paralímpicos Marilson Semedo, deficiente motor (chefe da equipa) e pelos invisuais Heidilene Oliveira e Jailson Andrade Correia e seus respectivos guias.

A comitiva partiu entusiasmada e com expectativas acrescidas, quer do experiente Marilson Semedo, que vai participar pela quinta vez no Grande Prémio da Tunísia, quer dos restantes estreantes atletas.

Marilson Semedo, atleta olímpico, natural de São Domingos, com deficiência motora no membro inferior, vai competir nas disciplinas de lançamento de dardo e arremesso de peso.

Medalha de ouro nos Jogos Africanos, Marilson Semedo está a com a moral bem alta, já que em Maio bateu o novo recorde nacional de lançamentos nas disciplinas de peso de 4 kg ao arremessar 9.90 metros, no disco de 1kg com o alcance de 37.03 metros e do dardo de 600 gramas atingindo 35.15 metros.

A atleta invisual Heidilene Oliveira, natural de São Vicente, vai competir no atletismo, na disciplina de velocidade dos 100, 200 e 400 metros, na companhia do seu guia, Jailson Oliveira, atleta também de São Vicente.

Jailson Andrade Correia, natural de São Domingos, também deficiente visual, está inscrito nas disciplinas dos 100 e 400 metros, tendo como guia Isaías Moniz Semedo, do mesmo concelho do interior de Santiago.

Todos os atletas que vão representar Cabo Verde no Tunis World Para Athletics Grand Prix Series 2022 intensificaram os seus treinos na última semana no Estádio Nacional em Achada São Filipe, em Monte Vaca, na Cidade da Praia.

SR/CP

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos