Maio Bussines Center pretende ser parceira dos jovens na criação das suas empresas

Porto Inglês, 03 Jan (Inforpress) – A empresa Maio Bussines Center quer ser uma parceira dos jovens maienses na criação dos seus planos de negócio, criação de empresa e acompanhá-los nos seus primeiros meses de vida, disse hoje à Inforpress representante Samir Silva.

O promotor desta empresa assegurou que o foco da sua organização é ser uma incubadora de negócios, principalmente aqueles que acreditam que podem ter sucesso no Maio.

Para tal afiançou que vão apoiar e  acompanhar os jovens empreendedores, desde a fase inicial da criação do modelo de negócio até os primeiros meses ou até ano de vida no mercado.

Samir Silva explicou ainda que a sua empresa desenvolve a ideia, cria o modelo de negócio e depois acompanha as primeiras fases da sua implementação, o que pode prolongar-se até um ano, porque dispõe de um programa de incubação que tem uma duração de dois anos, enfatizando que almejam ajudar o máximo de jovens maienses que queiram criar as suas empresas a conseguir atingir este objectivo.

Conforme explicou aquele promotor, a sua empresa pretende ser uma ponte entre o empreendedor e outras instituições, nomeadamente a Pro-empresa, com vista a ajudá-los na procura de financiamento para implementarem os seus negócios.

Neste particular lembrou que prestam serviços de ‘co-working’, em que uma pessoa que queira trabalhar no seu projecto possa fazê-lo no escritório da empresa juntamente com os técnicos.

“Prestamos também outros tipos de serviços como recrutamento, formação, eventos e entre outros”, informou, ajuntando  que já realizaram o primeiro ‘startup’ na ilha denominado ‘Startup Grind Porto Inglês’, com o objectivo foi passar o testemunho do empresário Arlindo Cardoso, como forma de também motivar os jovens a seguirem com mais afinco neste ramo.

“Vamos ter a segunda edição em Fevereiro, mas também vamos levar pequenos eventos à Escola Secundaria Horace Silver e quem sabe até outras localidades, porque o nosso objectivo é chegar lá onde esteja potenciais empreendedores”, frisou.

‘StartUp Grind’ é uma organização criada em 2010, nos Estados Unidos, com o objectivo de desenvolver uma comunidade que reúna empreendedores e fundadores de startups, mas também de gestores de empresas e especialistas em competências de liderança, interessados em aprender, ensinar e partilhar ensinamentos para educar e desenvolver o grupo como um todo.

Startup Grind Porto Inglês é o segundo ‘chapter’ licenciado em Cabo Verde, depois de SG Praia.

WN/AA

Inforpress/Fim

Scroll to Top
Share via
Copy link
Powered by Social Snap