• Save

Fogo: Requalificação da orla marítima de Beco iniciada esta semana

São Filipe, 18 Jul (Inforpress) – A orla marítima de Beco (Igreja, Mosteiros) estará requalificada em meados de Janeiro de 2020, data prevista para a conclusão da segunda fase das obras iniciadas esta semana, cerca de dois meses após o lançamento da primeira pedra.

O projecto de requalificação da orla marítima e de expansão da praia de Beco conta com o financiamento do Ministério do Turismo e Transportes, através do Fundo de Sustentabilidade Social para o Turismo (FSST), no valor aproximado de 40 mil contos e visa transformar a zona de Beco e área circundante num espaço cultural e de lazer, mais atractivo e agradável.

A requalificação desta orla marítima faz parte do projecto que visa a expansão da requalificação da orla marítima da cidade de Igreja até Queimada Guincho, que representa um investimento que poderá atingir os 100 mil contos.

As obras de requalificação estão a ser executadas pela empresa de construção civil STC, seleccionada em concurso público e prevê a transformação do espaço numa piscina natural, com clube náutico e área para as actividades náuticas, assim como a área circundante que passa a ter espaço cultural e de lazer mais atractivo e agradável.

O projecto elaborado pela WT Engenharia prevê, de entre outras, a construção de um anfiteatro a céu aberto com capacidade para 250 lugares, na parte central e com uma configuração oval, reabilitação da rampa da antiga delegação aduaneira, a edificação de um mirante e de um quiosque-bar com vista para o mar, além da requalificação da piscina artificial de Beco.

Na primeira etapa do projecto, a Câmara Municipal dos Mosteiros realizou obras de requalificação da estância balnear, nomeadamente a reabilitação do piso da rampa de acesso e os muros de protecção laterais, as escadas de acesso à piscina natural, num investimento de cerca de quatro mil tontos.

JR/ZS

Inforpress/Fim