Covid-19/ São Vicente: Cidadãos mindelenses distribuem 1500 sabões e sabonetes a famílias carenciadas

Mindelo, 25 Mar (Inforpress) – Um grupo de cidadãos de São Vicente entregou 1.500 sabões e sabonetes a famílias de diferentes bairros carenciados da ilha, para incentivar o hábito de lavar as mãos e combater a propagação do novo coronavírus.

A entrega foi feita nesta segunda-feira após a campanha de recolha “Lava bo mon” (Lava a tua mão, em português), que conseguiu donativos de empresas e de particulares, conforme João Branco, adiantou à Inforpress.

“Distribuímos cerca de 1500 sabões e sabonetes conseguidos graças à generosidade de muitos mindelenses e das empresas”, salientou este membro do grupo, do qual faz parte outras pessoas como Salvador Mascarenhas, Rosário Luz e outras.

“O sabão e sabonetes eram entregues sobretudo às mulheres, mães e avós, guerreiras dos castelos de chapas de metal construídos à custa de muito sacrifício”, descreveu a mesma fonte, adiantando que conforme o número de agregados familiares assim era decidido a distribuição.

Mas, para João Branco, este é “apenas uma gota no oceano. Apenas um dia nesta longa guerra contra uma doença mortal e globalizada”.

Na próxima segunda-feira, 30, a campanha contemplará outras zonas e outros bairros de São Vicente, e por isso, di-lo João Branco, estão abertos a receber doações de quem não conseguiu da primeira vez ou de quem pode e quer repetir.

“O sabão é a nossa arma, a esperança o nosso combustível”, acredita.

Este grupo de cidadãos, também já tinha actuado nesta mesma senda ao colocar, desde o último sábado, um carro na rua para elucidar a população sobre a Covid-19.

“É um carro de som para ir para todos os bairros com os sons institucionais que indicam do ponto de vista das autoridades sanitárias de Cabo Verde, o que é preciso fazer”, concretizou João Branco.

LN/CP

Inforpress/Fim

Scroll to Top