Centro Cultural Brasil – Cabo Verde arranca hoje com programa “Língua Portuguesa num Minuto”

Cidade da Praia, 21 Mai (Inforpress) – O Centro Cultural Brasil-Cabo Verde dá início hoje ao programa “Língua Portuguesa num Minuto”, uma forma de ajudar às pessoas a aperfeiçoarem a língua de Camões, informou à Inforpress a coordenadora Marilena Pereira.

Ao longo de seis anos de ensino do curso Preparatório Celpe-Bras, que prepara os estudantes para estudar em Brasil, à equipe pedagógica do Centro Cultural, segundo Marilene Pereira, registou “erros comuns” na utilização da língua, particularmente no que se refere às questões gramaticais, por parte desses alunos.

Neste sentido, assegurou, no contexto em que se vive de confinamento por causa da covid-19, a CCB decidiu fazer esse programa apresentado dicas com objectivo de oferecer aos estudantes  e ao público em geral ensinamentos sucintos e simples que os auxiliem a ultrapassar essas dificuldades.

Estas aulas serão disponibilizados `online´ todas às terças e quintas na página de Facebook do Centro Cultural Brasil-Cabo Verde (https://www.facebook.com/ccb.cv/) e, conforme explicou, serão vídeos de um minuto, abordando as principais dificuldades em Língua Portuguesa dos estudantes cabo-verdianos.

“Esperamos que seja útil. São dicas muito simples, muito bem explicadas, muito clara para às pessoas deixarem de ter essa briga com a língua portuguesa, que é uma língua tão bonita e que nos permite o contacto com um mundo, tendo em conta o número de falantes”, afirmou.

Esse programa, cuja ideia inicial era fazer um livro de bolso, segundo Marilene Pereira, também é uma forma de ajudar o Ministério da Educação nesse “esforço para manter o conhecimento dentro de casa”, através do programa “Aprender e estudar em casa”.

O primeiro programa, que vai para o ar hoje, apresenta dicas sobre o uso da vírgula, a utilização dos porque e as conjunções, como exemplos concretos tirados do levantamento feito junto dos alunos.

“Língua Portuguesa num Minuto” será divulgado durante três meses, informou.

AM/CP
Inforpress/Fim

Scroll to Top