Cabo Verde dá aval a novo embaixador do Brasil na Cidade da Praia

Praia, 21 Mai (Inforpress) – O Governo do Brasil nomeou o actual embaixador do país na Zâmbia, Colbert Soares Pinto Júnior, para ocupar as mesmas funções em Cabo Verde, tendo já recebido o aval do chefe de Estado cabo-verdiano.

“Concedi ‘agrément’ à nomeação de novo embaixador do Brasil em Cabo Verde, senhor Colbert Soares Pinto Júnior”, anunciou hoje Jorge Carlos Fonseca, numa mensagem.

Colbert Soares Pinto Júnior é formado em História e Diplomacia tendo já trabalhado nas embaixadas braseiras em Roma (Itália) e Caracas (Venezuela), bem como no consulado-geral em Montreal (Canadá). Em 2010 foi nomeado cônsul-geral em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia, e cinco anos mais tarde assumiu o cargo de chefe de Gabinete da Subsecretaria-Geral de Cooperação, Cultura e Promoção Comercial do Ministério das Relações Exteriores do Brasil.

Desde 2017 que é embaixador do Brasil em Lusaca, Zâmbia.

As funções de embaixador do Brasil em Cabo Verde são assumidas desde 2016 por José Carlos de Araújo Leitão.

A nomeação de Colbert Soares Pinto Júnior surge depois da visita à Praia, em Dezembro último, do ministro das Relações Exteriores do Brasil, Ernesto Araújo, que então anunciou a intenção de o Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, visitar Cabo Verde em 2020, no âmbito da nova visão do relacionamento do país da América do Sul com África.

“Certamente seria um sinal muito claro dessa nossa prioridade, dessa nossa visão de aproximação”, insistiu Ernesto Araújo, descrevendo como “excelentes” as relações entre os dois países.

“Cabo Verde é o país mais próximo do Brasil geograficamente e também, certamente, um dos mais próximos na nossa visão do mundo e nessa nova etapa da nossa política externa queremos um lugar muito especial para África”, destacou o ministro brasileiro.

Acrescentou que nessa nova estratégia do Brasil para África, Cabo Verde “é um parceiro essencial”.

“O Brasil quer reestruturar, intensificar a sua presença em todo o continente africano mas muito especialmente aqui com Cabo Verde. Já identificámos com o ministro, com o primeiro-ministro, parcerias excelentes na parte económica, cultural, de segurança. Queremos realmente, a partir de uma base histórica muito profunda, construir uma parceria muito intensa com Cabo Verde”, destacou.

Ambos os Estados são membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

Inforpress/Lusa

Fim

Scroll to Top