• Save

Associação Black Panthers leva cultura cabo-verdiana aos Açores (c/áudio)

Cidade da Praia, 16 Jul (Inforpress) – A Associação Juvenil Black Panthers participa, de 02 a 09 de Agosto, num intercâmbio cultural nos Açores (Portugal) com o objectivo de arrecadar fundos para a realização de projectos sociais da associação.

Em declarações à Inforpress, o presidente da referida associação, Alcides Amarante, disse que este intercâmbio acontece no âmbito de uma parceria existente com o grupo Folclórico da Fajã de Baixo, Ponta Delgada, Açores, que em 2018 esteve em Cabo Verde com um grupo de 40 pessoas para um intercâmbio.

Desta vez, informou, são 32 elementos da associação que vão levar a cultura cabo-verdiana aos Açores, partilhar conhecimentos, criar laços de amizade, e, ainda, arrecadar fundos para a realização de projectos sociais que garantem a sustentabilidade da associação.

A associação, que completa este ano 39 anos de existência, segundo o seu presidente, tem apostado na implementação de projectos que dêem alguma sustentabilidade às suas acções, uma vez que não querem ficar a depender somente da “boa vontade” dos parceiros.

“Os apoios são bem-vindos, mas temos de ver formas de encontrar alternativa e não ficar à espera que chegue um ou outro patrocínio. É por isso que vamos aos Açores para angariar fundos e começar a implementar projectos na comunidade e os nossos parceiros nos Açores estão sensíveis às nossas preocupações”, sublinhou.

Sendo que vão levar uma delegação com 32 elementos, Alcides Amarante disse que não é fácil mobilizar recursos para custos de passagens. Entretanto, assegurou que os parceiros estão sensíveis, como é o caso do Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas que mostrou disponibilidade em apoiar esta deslocação.

A Associação Black Panthers fundada em 31 de Dezembro de 1980 nasceu da missão de ajudar os mais necessitados na comunidade onde está sediada, bairro da Várzea, na cidade da Praia, com foco na educação e formação das crianças e jovens.

AM/ZS

Inforpress/Fim